sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Passos segregado e desprezado pela NSA


A NSA segregou Passos. O nosso PM não faz segredo disso, conformando-se - que remédio! - com a discriminação.    
Ser-lhe-á difícil entender a falta de relevância com que os sinistros serviços de espionagem norte-americanos o consideram, relegando-o para a categoria dos 'Eat Shit'? 
Tem de limitar-se a ser solidário com a Alemanha e a França e já se sente promovido.
Negligentemente, esqueceu, em tempo devido, o discurso de Dilma na Assembleia-Geral da ONU, a mais oportuna, incisiva e dura intervenção que o mundo ouviu de reprovação da espionagem norte-americana. Para mais, proferido pela PR de um país irmão, o Brasil.