sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Passos subserviente, Roemer insubmisso

Na famigerada ‘rentrée’ laranja à porta fechada, Passos Coelho voltou a aflorar a constitucionalização da ‘regra de ouro’. Motivado certamente por fortes razões, entre as quais não é desprezível o servilismo perante a Sra. Merkel.
Lá no Norte da Europa, exactamente na Holanda, onde nem todos os políticos conspiram contra os países do Sul, Roemer, o socialista e candidato favorito a ‘PM’, manifestou-se insubmisso em relação às pretensões da chancelerina alemã, nos seguintes termos:
Fonte: PRESSEUROP
Como são opostos o conceito e o sentimento de defesa da soberania nacional entre estes dois políticos! 
Agora em Portugal é com Passos, mas a minha experiência de 26 anos de viagens por vários pontos do mundo diz-me que, em geral perante estrangeiros, intensificamos a mansidão aos nossos tradicionais brandos costumes- hábitos e comportamentos do século XX que perdurarão sabe-se lá até quando…