quinta-feira, 21 de junho de 2012

Identificados os autores da fuga de informação

prova de português
Fonte: Juxtapoz
A Inspecção-Geral da Educação e da Ciência e o GAVE, graças a eficaz intervenção da PJ, já possuem a identificação dos autores da fuga de informação relativa ao exame de Português do 12.º ano.
Trata-se deste grupo de 4 especialistas em teclas, anteriormente ligados às ‘Novas Oportunidades’ de Sócrates e Maria de Lurdes Rodrigues. Os jovens trabalhavam em gabinete de consultoria de Armando Vara. Crato esqueceu-se de extinguir o contrato e o descuido custou-lhe caro.
Nos interrogatórios, os autores da fuga revelaram ter-se tratado de retaliação, patrocinada pela Samsung, Sony e LG, contra este sublimar acto de propaganda à Nokia, de Nuno Crato, em 26 de Janeiro de 2006:
Os ‘sms’ aos alunos assumiu, acima de tudo, forma de conspiração  dos transformadores proscritos.
Ao contrário do que diz Guinote, não houve qualquer deferência. Foi asco e dos grandes ao Crato; o grande cientista matemático, incapaz de detectar, a tempo, uma irregular e simples operação de subtracção de testes.